Kit de coisas úteis para quem tem pets em Montréal | Projeto 6 on 6

Mais um dia seis, mais uma listinha amorosa de coisas legais. O tema desse mês é animais de estimação, e como não tenho animaizinhos e mal tenho amigos com bichos, fiz aqui uma lista bacana de coisas úteis pra você que tem um filho peludo e pensa em trazer com todo amor pra Montréal. Já peço desculpa aí pra galera do projeto porque não deu pra tirar fotos ilustrativas de algumas coisas, :(

Então vamos aí para uma lista de utilidades públicas, caninas e felinas que eu encontrei por aí nessa vida montrealense. Tudo bem que acabei encontrando muito mais coisas pra cachorro do que qualquer outra coisa, mas acho que a maioria serve pra todos os pets :)

Todos preparados? Um, dois, três – PEGA! :D


Dog Yoga

Alguns pets levam a expressão “Vida de cão” muito a sério. Você sabe o quão estressante é dominar a arte de roer sapatos e latir para os pombos na janela com maestria? SABE? Então quando a vida ficar muito difícil, nada melhor que uma aulinha de Doga (sim, é assim que eles chamam, dog + yoga)


Dog Café
Quando quiser sair de casa e hipsterizar em algum canto da cidade, mas ficar com o coração partido em deixar seu cãozinho em casa entediado, leva ele pro Dog Café. Não só eles tem snackzinhos fofos para cães como você pode relaxar e tomar um café com amigos ou ser produtivo. Uma ótima pedida para o inverno, caso esteja muito frio pra levar eles nos parques de cachorro.

dogcafe.png


Pet Ambulance

Papo sério agora! Não dá pra saber só onde são os lugares fofos e amorosos, tem que saber das coisas úteis também! O K911 é um serviço de ambulância canina que atende 24h por dia, 7 dias por semana. Atenção que o número na verdade é 514-677-4357. Aproveite este momento para salvar esse número no seu celular, ou caso não tenha um número canadense ainda guarda isso em algum lugar. IMPORTANTE GENT. Eu tive um Yorkshire uma vez (no Brasil) e ele começou a ter convulsão no meio da noite. Não tínhamos um serviço assim na minha cidade e ele foi-se :( recomendo todo mundo a ter isso em mãos.

slide03


Pet Friendly Map
Se o seu petzinho fica muito chateado em ficar em casa, faça a phyna e ponha ele numa bolsa e vá passear em qualquer um desses lugares no Pet Friendly Map. Ele é um mapa com todos os lugares onde animais são aceitos, desde restaurantes e lojas até parques. Utilidade pública e canina!

dogmap.png


Lei sobre aluguel de apartamento com pets
Recomendo a leitura para todos os colegas que estão para vir: o link direto para a lei de aluguel com bichinhos de estimação. Eu sei gente, não é uma dica sexy MAS É BEM IMPORTANTE HMKAY?

Screenshot.png


Pet Lost and Found
Esperamos que você nunca tenha que usar esses serviços tipo o K911 e o Pet Lost and Found, mas caso aconteça esteja preparado! O Pet Luck é uma comunidade de achados e perdidos para pets fujões. Aqui tem alguns outros recursos também mas esse Pet Luck parece ser o melhorzinho. Tem também um monte de dica do que fazer! Na hora do desespero o que conta é a informação que você tem e saber agir rápido :)

Screenshot.png

É isso gente! Espero que pelo menos um dos seis tenham sido interessantes ou úteis!

See you there, Pet Friendly bitches!

 


6on6logoRED

Lembrando que o projeto conta com 6 blogueiras que postam sobre o mesmo tema, cada uma com a sua interpretação. Corre no blog delas pra dar uma olhadinha no que saiu de bom! São elas:

Gaby no Canadá | Gaby (Toronto, ON)
Like a New Home | Adriane (Ottawa, ON)
Minha Neve e Cia | Caroline (Mississauga, ON)
De bem com a vida | Mariana (Calgary, AB)
Edmonton Feelings | Juliana (Edmonton, AB)

Projeto 6 on 6 | Mini Catálogo de Cafés

Gente, mais um dia seis!

O tema de hoje é onde eu passo boa parte dos meus domingo, cafés diferentinhos de Montréal. E nesse quesito a nossa cidade cafémaníaca não decepciona! Vamos todos passear por aí comigo colecionando cafés em nossos lindos instagrams?

GOTTA CATCH THEM ALL PEOPLE!

VEM COMIGO o/


 

1. Café Venosa

IMG_6537.JPG

Gatos, poltronas e o melhor Chai Latte você vai tomar na sua vida. Esse cantinho de paz e wifi rápido fica próximo da estação Mont Royal, e você vai me encontrar lá muito provavelmente em domingos chuvosos, assistindo netflix ou trabalhando em algum projeto paralelo.


2. Café Aunja

coffee

Esse café persa, que é mais uma casa de chás, é super lindinho e possui uma parede cheia de ingredientes legais para chá tipo rosas iranianas e outras coisas que eu não lembro o nome. Você vai me encontrar por lá depois do trabalho, resolvendo alguma coisa do visto ou tentando ser produtiva de algum jeito em dias de semana. Recomendo o chá de gengibre limão e mel para os indecisos!


3. Café Nevé
Slack for iOS Upload

Cafezinho hipster e escondido em algum lugar do Plateau, não passe perto sem pegar um cookie de chocolate pelo amor do seu Deus. Apesar de ter muita gente com computadores e headfones por lá, eu não recomendaria fazer nada que exija grandes concentrações porque a música é bem agitada e meio alta. Você vai me encontrar por lá aleatoriamente com amigos que eu não vejo a tempo e quero matar saudades.


4. Kouign Amann
Slack for iOS Upload

Abençoada a minha roommate que me apresentou esse negócio. O Kouign Amann é um cafézinho / patisserie bretanho lar de um folheado de mesmo nome que vai mudar o sentido da sua vida. Vou deixar por isso porque só a lembrança já me distrai.


5. Leaves Café

Slack for iOS Upload

Muito amor envolvido nesse cafézinho pequenino, cheio de plantinhas que coloca Pokemóns no seu café. Muito. Amor.


6. Café Parvis

Slack for iOS Upload

 

Um cantinho de calma no meio da cidade quando as coisas estiverem muito bagunçadas <3 Com plantinhas caindo de tudo que é canto, você vai me encontrar por lá tentando resolver as grandes questões da vida :)

Isso aí gente, quando estiverem de bobeira, já sabem onde me encontrar.
Quem vai vir tomar café comigo?

VEM GENTE!


Lembrando que o projeto conta com 6 blogueiras que postam sobre o mesmo tema, cada uma com a sua interpretação. Corre no blog delas pra dar uma olhadinha no que saiu de bom! São elas:

6on6logoRED

Gaby no Canadá | Gaby (Toronto, ON)
Like a New Home | Adriane (Ottawa, ON)
Minha Neve e Cia | Caroline (Mississauga, ON)
De bem com a vida | Mariana (Calgary, AB)
Edmonton Feelings | Juliana (Edmonton, AB)

 

Bairros dessa cidade linda | Projeto 6 on 6

Hoje é  maaais um dia seis! Especificamente, dia de falar sobre bairros nesse canto lindo do mundo! Cada bairro tem seu charme, mass, segue a lista de alguns dos meus favoritos! Vaaamo lá:


PLATEAU

0fc5538c46b483dcacd7af0a932dbfc7

Um dos meus bairros prediletos, esse cantinho de Montréal é demais de gracinha. Lar de lugares épicos de brunch como o L’Avenue du Plateau ou o barbeiro que vida balada, Blue Dog, espere ver cafés cheios de artistas, feiras de poesia e músicos de rua. E lógico, onde você vai encontrar uma pá de gente nos Tamtams!


MILE END

9ac10927c32f6c21b10984c9d9bfc10d

O Mile End é tipo o Plateau, só que MAIS HIPSTER, se é que isso é possível. Menos comercial que o Plateau, dizem que ele é mais autêntico.


GRIFFINTOWN

IMG_8120.jpg

Bairro cheio de profissionais jovens e encaminhados na vida. Todo dia de manhã você encontra gente de terno e bicicleta indo em direção á um brunch de negócios. Depois, a galera vai pros pubs curtir um happy hour e fazer um networking!


OLD PORT

horses-montreal-1

Bairro básico de qualquer visitante – Old Port. Cheio de atrações turísticas, artistas, terrassos e o porto em si, que é cheio de lugares gracinhas pra ver o rio! Geralmente tem também um monte de festivais acontecendo. E a arquitetura é bem europeuzinha!


HOCHELAGA


7597628

Essa é a minha HOOD gente! Você vai encontrar cafezinhos e padarias fofas pela rua Ontario que ninguém te contaria se você não fosse passear sozinho. Eu recomendo procurar apartamentos por aqui também que é barato!


ROSEMONT PETITE PATRIE

basket
Bairro italiano, então né, nem preciso falar que a comida é incrível! :O Lar do Dinnette Triple Crown, que é aquele restaurante maravilhoso onde eles te dão a cestinha de picnic com toalhinha e tudo!


Lembrando que o projeto conta com 6 blogueiras que postam sobre o mesmo tema, cada uma com a sua interpretação. Corre no blog delas pra dar uma olhadinha no que saiu de bom! São elas:

6on6logoRED

Gaby no Canadá | Gaby (Toronto, ON)
Like a New Home | Adriane (Ottawa, ON)
Minha Neve e Cia | Caroline (Mississauga, ON)
De bem com a vida | Mariana (Calgary, AB)*
Edmonton Feelings | Juliana (Edmonton, AB)

Prédios e outras Histórias | Projeto 6 on 6

Paredes não falam, mas não tem quem segure a língua desse blog. O tema desse mês é nada mais que Prédios Históricos, e com certeza Montréal é cheia deles. Mas vocês provavelmente já conhecem o basicão né? Estádio Olímpico, o prédio esquisitinho Habitat 67, aquela coisa. Mas Montréal é também cheia de histórias que não se contam nos guias turísticos – e essas, normalmente, são as histórias mais suculentas <3

Então eu separei 6 prédios que não contam histórias – e sim fofocas – de um tempo montrealense que não nos pertencem mais.
Todos preparados para o post cápsula do tempo?
Segura o chapéu vintage, guarda o relógio de bolso e VEM COMIGO <3

  1. The Allan Building

Edifice_Allan

Muita gente não sabe, mas Montréal tem uma quantidade significativa de passageiros do Titanic enterrados em seus cemitérios mais famosos e antigos. O Allan Building foi onde o primeiro lugar onde o sinal de socorro foi capturado e enviado para a Marinha montrealense. O jornal da cidade, The Montreal Gazette, foi o primeiro jornal do mundo a publicar a notícia do desastre que abalou corações, nossas playlists e a conta da Celine Dion.


2. Assassin’s Creed’s Creed

ubisoft

Um dos jogos mais famosos e rentáveis do mundo foi criado aqui na nossa bela e pacata cidade. Durante o começo dos anos noventa, as fábridas têxteis estavam em crise e desaparecendo em uma velocidade um tanto quanto preocupante. O partido político da época, Parti Quebécois, precisou improvisar um jeito de gerar mais empregos, e como haviam rumores que a área multimídia seria a próxima onda que o boom da internet ia trazer, decidiram investir nela. Na época, a Ubisoft estava querendo expandir pra América do Norte, e ia inicialmente ir pra New Brunswick, mas Montréal ofereceu $25.000 dinheiros pra cada montrealense que a compania contratasse por cinco anos. Nossa amiga Ubi trendsetter abriu portas para várias outras empresas como EA, Eidos, THQ, Warner Bros. etc, marcando a história e economia da cidade pra sempre.


3. Café Cleópatra

cleohydro2

O Café Cleópatra foi criado em 1975 e é conhecida como precursora da cultura Drag em Montréal. Muitos se referem ao café como uma das últimas landmarks da era Sin-City Montrealense. O local já sofreu inúmeras tentativas de despejo, mas seu público fiel, colorido e engajado protesta todas as vezes, e o Café continua lá firme e forte! Ponto para o time arco-íris <3


4. Cruz do Mont Royal

hi-mtroyal-cross-852-8col
A famosa cruz não é um prédio mas é completamente icônico e merece um espacinho aqui. Ela foi dada de presente pra cidade depois de um alagamento violento, pra abençoar a cidade e se livrar da desgraça. Mas o que muita gente não sabe é que, no pé da cruz, foi enterrada uma cápsula do tempo com cartas de mais de 12.000 crianças sobre o que elas acham que o mundo vai ser em 2142, quando a cidade completa 350 anos. Honestamente, achei Millennial-unfriendly, mal consigo esperar os 10 segundos do próximo episódio do Netflix imagina isso tudo aí. Não dá pra comprar versão premium e ler agora? Fica a dúvida.

5. A Casa da Mary Gallagher

DSC_0039

Reza uma lenda montrealense que Mary, junto com sua amiga Susan Kennedy, eram ambas prostitutas arrasadoras de corações e bolsos. Numa certa noite, em algum lugar nas ruas do bairro Griffintown, elas saíram para beber e Mary acabou com um cliente. Susan, com seu cérebro marinado em whisky e inveja, achou que cortar a cabeça da Mary com um machado resolveria seus problemas. Em tempos vitorianos, onde as mulheres eram vistas como seres calminhos e delicados, a história foi sensacionalizada até não dar mais. Hoje em dia, dizem que o fantasma da Mary ainda vaga as ruas de Griffintown procurando pela sua cabeça a cada 7 anos. Quem estiver por lá no dia 26 de junho de 2019 e tombar com a moça, favor não esquecer de mandar um Snapchat.


6. The Queen Elizabeth Hotel

800px-Le_Reine_Élizabeth_(hôtel),_Montréal_2005-09-02

Fãs de John Lennon, vocês provavelmente já sabiam dessa, mas não estraguem a surpresa ok? O Hotel Fairmount The Queen Elizabeth foi onde John e Yoko fizeram um dos seus Bed-Ins for peace durante a guerra do Vietnam. Eles ficaram nos quartos 1738, 1740, 1742 e 1744. Lá eles tiveram vários encontros com Timothy Leary, Tommy Smothers, Dick Gregory, Murray the K, Al Capp e Allen Ginsberg, onde todos, menos o Capp, cantaram “Give Peace a chance“ com o casal tendência.


Todos mais informados sobre a sua futura (ou talvez atual) cidade?

 

Lembrando que o projeto conta com 6 blogueiras que postam sobre o mesmo tema, cada uma com a sua interpretação. Corre no blog delas pra dar uma olhadinha no que saiu de bom! São elas:

6on6logoRED

Gaby no Canadá | Gaby (Toronto, ON)
Like a New Home | Adriane (Ottawa, ON)
Minha Neve e Cia | Caroline (Mississauga, ON)
De bem com a vida | Mariana (Calgary, AB)*
Edmonton Feelings | Juliana (Edmonton, AB)

*Nossa Vancouverite preferida, Carina, passou a tocha do 6 on 6 pra nossa nova integrante Mariana, de Calgary! Seja bem vinda hun! :)

 

Flores, cores e bons drinks em Montréal | Projeto 6 on 6

Mais um dia 6, mais um post do projetinho querido!

O tema não podia ser diferente com essa primavera linda batendo à porta -Flores!

E nada melhor pra comemorar o fim do inverno do que bons drinks em algum terrasso movimentado e enfeitado de amigos hipsters. Para comemorar a época que mais preenche os instagrams da galera, vamos à lista dos 6 drinks florais mais autênticos da nossa querida Montréal.

Todos preparados pra decorar esse menu florido e passar de bar em bar montando esse buquê?

VEM COMIGO!

 


1. Frida 
Le Lab

13117893_1078355682229418_998160453_n

Além de flores contém tequila, como não amar? O Le Lab é altamente conhecido pela sua mixologia e tem os drinks mais elaborados e bem apresentados que eu já vi. Fica a dica de programação pra essa primavera!


2. The Great Atsby
Communion Restaurant and Bar

Communion-Montreal-Restaurant-Bar-Great-Atsby-Cocktail.jpg

Qualquer drink feito de lavanda esbanja fofura né? O Communion fica em Old Port, o lugar perfeito pra essa estação – a rota ao longo do rio fica todo enfeitado e as  flores são plantadas assim que a última nevasca derrete.


3. Bloody Brutus
Bar Brutus

12912738_1667980226800627_6799948_n

Ok, vamos ser realistas, nem todos os leitores aqui curtem coisas fofinhas e coloridinhas. Para os brutos e carnívoros, o Bar Brutus é um restaurante e bar com um ingrediente principal e maravilhoso: bacon!  O Bloody Brutus vem acompanhado com uma rosa de bacon no copo e é uma delícia!


4. Spring Punch
Pot Masson


Eu nem lembro mais o que vinha nessa bebida, mas é simplesmente um dos melhores drinks que eu já tomei na vida. O Pot Masson não só tem mil drinks matinais deliciosos, mas os pratos custam $5 cada. Gente, flor, bons drinks e barateza é um combo raro. Apreciem sem moderação.


5. Cosmo de L’Orient
Maison Boulu

img_5899

Esse é pra quando tivermos riqueza no bolso. O Maison Boulud é o restaurante e cocktail bar do chef italiano Riccardo Bertolino, e esbanja luxo. O lugar é lindo e perfeito pra levar um date. Conquistar através de bons drinks é uma arte, colegas.


6. The Daisy Twist
Mayfair Cocktail Bar

mayfair-montreal-cocktail-bar-1-e1460603702188
Esse drink complicado e delicioso leva até fios de laranja queimada na composição. O sabor é mais floral que de frutas, mas você sente os dois! O drink parece mais pesadinho mas tem um sabor bem floral e refrescante. Muito sucesso.


Lembrando que o projeto conta com 6 blogueiras que postam sobre o mesmo tema, cada uma com a sua interpretação. Corre no blog delas pra dar uma olhadinha no que saiu de bom! São elas:

 

canada6x6

Gaby no Canadá | Gaby (Toronto, ON)
Like a New Home | Adriane (Ottawa, ON)
Minha Neve e Cia | Caroline (Mississauga, ON)
Outside Brazil | Carina (Vancouver, BC)
Edmonton FeelingsJuliana (Edmonton, AB)

Boas vintas à nossa nova aquisição – a Juliana, do blog Edmonton Feelings, que vai substituir a Jaque, de Regina! Ju seja bem vinda!

Placas que indicam tudo – menos direções | Projeto 6 on 6

6on6logoRED

E hoje o post é um tanto quanto desafiador: PLACAS!

Mas Montréal nunca nos desaponta e sempre arranja um jeito de fornecer bom conteúdo pra qualquer tópico :)

Quando a cidade é hipster, meus caros, fica fácil escrever até sobre cimento <3

Vamos todos descobrir um pouco mais sobre as placas mais curiosas e informativas dessa cidade gracinha?

Põe as direções no Google Maps e VEM COMIGO GENTE!


FARINE FIVE ROSES

img_5628
 Por meio século, essa placa luminosa tem estampado souvenirs montrealenses e instagrams atentos. Produto de quando a nossa cidade querida era o epicentro da era industrial canadense. Ela foi alterada de FIVE ROSES FLOUR pra FARINE FIVE ROSES devido à lei 101, que diz, recalcadamente, que francês é a língua oficial da província e todos devem se adequar.


SERVIÇO NOTURNO PARA MULHERES

  
Não, não é uma casa de strip masculino (falaremos sobre isso mais além, em outro post, hahaha). É um adesivo que você vai ver eventualmente em alguns ônibus montrealenses! Nem todo mundo sabe mas à noite, se você for mulher e estiver viajando sozinha, você pode pedir acompanhamento do motorista entre 2 paradas. O motorista vai fazer uma exceção e parar o mais próximo possível daonde você precisar e/ou te acompanhar até o próximo ponto. Muito amor envolvido!



AS ESTRELAS DO METRÔ 

Andando pra lá e pra cá você vai notar a onda de talentos pelas estaçōes de metrô. Você, em toda sua ingenuidade, teria pensado que era por acaso. Mal saberia você, caso não tivesse lido aqui, que esse povo foi escolhido à dedo! O Les Étoiles du Metro é um programa onde músicos tem que aplicar, passar pelas audições e cumprir a agenda e itinerário determinados pra eles. Essa placa determina os locais onde eles devem se apresentar. Os músicos são anunciados anualmente e tem também tem a chance de participar em outros eventos e fesivais patrocinados pela STM. Agora você sabe!


EU ME LEMBRO!

img_5635

É muito recalque pra pouca província. E eu não canso <3 Todas as placas de carro no Canadá carregam uma frasezinha. Sempre achei fofo, no Brasil é super sem graça. E todas as frases são fofas, positivas, engraçadinhas, MENOS A DE QUEM? Lógico que a única criança emburrada do país tinha que trocar a frase fofinha (La belle province – A bela província) por uma que deixasse claro o rancor guardado no coração bilíngue dessa galera (Je me souviens – Eu me lembro). Há várias interpretações pra essa frase. Algumas afirmam que ela vem de um ‘quote’ que diz:

Je me souviens/ Que né sous le lys/ Je croîs sous la rose.
I remember/ That born under the lily/ I grow under the rose.

As flores representariam os emblemas dos reinados da França e Reino unido. Vai saber.  Mas que parece uma velha rabugenta, ah parece. :P


SAINT LAURENT 

Essa é uma dica para os desorientados como eu. Essa rua, por algum motivo, divide a cidade entre West e East. Os endereços de ruas compridas, por exemplo, que cruzam com a Saint Laurent, normalmente vão diminuindo os números e logo após cruzar com ela começa a subit de novo – o que pode ser confuso pro Google Maps e te custar entrevistas de emprego e happy hours Sempre verifique o endereço, sempre tenha certeza do lado da cidade que você está procurando.


SÓ EM FRANCÊS, OK?


Eu tentei, mas não consegui: o recalque é eterno e os tópicos também. Last but not least, a plaquinha que te avisa que o serviço vai ser em francês e você que se vire pra pedir algo a mais do que croissant  se não tiver cursinho básico metido à avançado. Em geral, você vai ver um adesivo como esse nas portas dos estabelecimentos. Eu como não me meto muito nas áreas francófonas, nunca vi a santa placa em si, MAS fica aí o aviso. Se você vir essa placa, pode voltar porque você deve ter perdido o ponto.


 

É isso gente! Espero que tenham aprendido um pouco mais sobre a nossa bela cidade através das placas inusitadas, interessantes e úteis de hoje :)

Lembrando que o projeto conta com 6 blogueiras que postam sobre o mesmo tema, cada uma com a sua interpretação. Corre no blog delas pra dar uma olhadinha no que saiu de bom! São elas:

mapa do canadá com fotos de blogueiras nas cidades

Gaby no Canadá | Gaby (Toronto, ON)
Like a New Home | Adriane (Ottawa, ON)
Minha Neve e Cia | Caroline (Mississauga, ON)
Outside Brazil | Carina (Vancouver, BC)
Tchê Canadá, uai! | Jaque (Regina, SK)

Projeto 6 on 6 | Incorporando Costumes Canadenses em Grande Estilo

6on6logoRED
Ah, os choques culturais.

Poucas coisas foram tão recorrentes no meu início de vida canadense quanto a minha expressão de interrogação em resposta à certas situações. Hoje vamos falar de alguns costumes canadenses e o que fazer para se prevenir / arrasar em cada uma delas.

Todos preparados pra escovar os dentes com Maple Syrup e adotar um castor?
VEM COMIGO!


#1 TIRAR OS SAPATOS NA ENTRADA

2cc54df51e568ff8528d609b45179f61
Não é surpresa pra ninguém que durante metade do ano você vai ter que tirar o sapato nas casas dos brothers e dependendo até no seu trabalho.  A mistura de neve com o sal industrial jogado nas calçadas pra derreter a neve faz o chão ficar manchado, apesar de não deteriorar nada como muita gente pensa.  As dicas aqui são:

  • Usar meias curtinhas que parecem uma sapatilha para manter o charme. Elas são chamadas de “no show socks” ou “no liner socks”.
  • Usar meias escuras ou pretas. Nunca zoei tantas meias brancas na minha vida quanto nos meus primeiros meses aqui.
  • Levar sapatilhas na bolsa. Existem sapatilhas dobráveis que vem numa mini bolsinha que são ótimas principalmente pra uma house party. (Acabei de te salvar da sensação nojenta de andar de meia com cerveja. DE NADA.)

#2 ALUGUEL A CURTO PRAZO

enhanced-buzz-6802-1375216628-11

Em Montréal o aluguel é extremamente comum. E como muitos estudantes tem férias durante 4 meses no verão, é normal que eles voltem pras suas terrinhas e coloquem seus apartamentos em sublocação. Em dois anos eu morei em 5 apartamentos diferentes. O maior problema é você não sentir que tem o seu cantinho. Mas pra isso, nada melhor que criatividade e Dollarama, não é mesmo? Aqui vão algumas dicas de decoração temporária pra você manter seu canto sempre com a sua cara:


 

#3 LEVAR ALMOÇO PRO TRABALHO

Aparentemente isso ficou mais comum no Brasil depois que eu fui embora, mas NO MEU TEMPO a gente tinha Sodexo ou outro tipo de ticket alimentação! Hahaha aqui é engraçado, todo mundo traz seu almoço, que mais parece um lanche. Vejo muito sanduíche, macarrão e snacks saudáveis na medida do possível entre os meus coworkers. Aqui vão algumas receitas de almoços fáceis, saudáveis e fofos pra entrar na onda! Tem vários no Pinterest <3


 

#4 ENVIO DE DINHEIRO VIA EMAIL

bmoip
Isso já não é uma mania, é invenção divina. Haha Apesar do sistema bancário deles não ser lá dos mais avançados, essa função é ótima e eu uso muito. Para transferir você pode ir no seu aplicativo mesmo, indica pra qual email você vai enviar e tudo que a pessoa precisa é a “resposta” pra pergunta que você escolher. A resposta atua como código e a pessoa é redirecionada pro banco dela. Lindo de ver!


#5 SISTEMA MÉTRICO

side-shot

Esqueça ir pra um bar e saber o que pedir. Até hoje eu não me entendo com “ounces”, “feet” e etc. Mas você vai ser melhor que isso. Você vai usar essa calculadora universal pra saber qual o tamanho da jarra de cerveja que você vai pedir no boteco.


#6 CUIDAR MUITO BEM DOS DENTES. TIPO, MUITO.

hand-held_dental_floss1
Apesar do canadense ter um super sistema de saúde pública, dentista não entra na lista. Eu, que era acostumada a ir no dentista só pra fazer aquela limpeza a cada X meses, fiquei trezentas vezes mais atenta e montei um kit sorriso maroto com tudo que tenho direito pra evitar ao máximo as carérrimas visitas ao dentista. SDDS Uniodonto por 30 reais por mês em :(


É isso gente! Alguns dos choquinhos culturais que eu vivi no dia a dia.
Lembrando que o projeto conta com 6 blogueiras que postam sobre o mesmo tema, cada uma com a sua interpretação. Corre no blog delas pra dar uma olhadinha no que saiu de bom! São elas:

mapa do canadá com fotos de blogueiras nas cidades

Gaby no Canadá | Gaby (Toronto, ON)
Like a New Home | Adriane (Ottawa, ON)
Minha Neve e Cia | Caroline (Mississauga, ON)
Outside Brazil | Carina (Vancouver, BC)
Tchê Canadá, uai! | Jaque (Regina, SK)